Archive

Como imprimir CRLV Digital pelo celular

Como imprimir CRLV Digital pelo celular

Novidade está disponível para proprietários de veículos de 13 estados e do DF; veja como imprimir CRLV Digital pelo celular Imprimir CRLV Digital pelo celular é um processo simples. Proprietários de veículos podem fazer a impressão do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) a partir do aplicativo Carteira Digital de Trânsito, no smartphone Android ou iPhone (iOS). A autenticidade do documento poderá ser verificada por autoridades de trânsito escaneando o QR Code disponível no app. Continue reading “Como imprimir CRLV Digital pelo celular”

Armários inteligentes começam a chegar ao Brasil

Armários inteligentes começam a chegar ao Brasil

Armários inteligentes começam a chegar ao Brasil, quem costuma viajar para os Estados Unidos ou Europa sabe que a ideia não é nova. Mas, não deixa de ser inovadora. A história começou em setembro de 2011, quando a Amazon instalou seus primeiros lockers – armários em português – em 3 cidades: Seattle, Nova York e Londres. Continue reading “Armários inteligentes começam a chegar ao Brasil”

Modelos 3D gratuitos em 7 sites para baixar

Modelos 3D gratuitos em 7 sites para baixar

Modelos 3D gratuitos, seja para projetos pessoais ou comerciais, nem sempre dispomos de recursos para adquirir os direitos de imagens, arquivos de áudio, vídeos ou, como falaremos nesse artigo, modelos 3D. Continue reading “Modelos 3D gratuitos em 7 sites para baixar”

Bebês virtualmente visitados pelas mães em hospitais

Bebês virtualmente visitados pelas mães em hospitais

Bebês virtualmente visitados pelas mães em hospitais, o bebê de um lado da tela do celular e a mãe do outro. Foi assim que Daiane Rosário Santos manteve contato com a filha Milena nas semanas seguintes ao nascimento da pequena. Daiane mora em Praia Grande e o Hospital Sepaco, onde a bebê ficou internada, fica na capital paulista. Continue reading “Bebês virtualmente visitados pelas mães em hospitais”

Documentos digitais pois o papel está caindo no esquecimento

Documentos digitais pois o papel está caindo no esquecimento

Documentos digitais pois o papel está caindo no esquecimento, desde a invenção da escrita, coletamos e processamos informações. Ao longo dos séculos, criamos formas de aproveitar melhor cada dado obtido e, nos anos mais recentes, a tecnologia tem tornado isso mais fácil. E os resultados têm sido melhores do que conseguimos absorver. Continue reading “Documentos digitais pois o papel está caindo no esquecimento”

Computação quântica a revolução que está chegando

Computação quântica a revolução que está chegando

Computação quântica a revolução que está chegando, uma computação totalmente nova. É assim que deve ser a computação quântica. O tema tem estado cada vez mais presente e levantado especulações de como isso pode mudar o cenário tecnológico. Mas o que, exatamente, significa o termo quântico? Continue reading “Computação quântica a revolução que está chegando”

Carros autônomos: conheça os diferentes patamares

Carros autônomos: e os diferentes patamares

Carros autônomos e os diferentes patamares, já disponível em algumas localidades, os veículos equipados com ela causam admiração – e, às vezes, espanto – por onde passam. É possível vê-los circulando, por exemplo, em Mountain View, na Califórnia, em testes feitos pelo Google com automóveis de passeio, e em Talin, a capital da Estônia, que já testa um micro-ônibus sem motorista. Continue reading “Carros autônomos: conheça os diferentes patamares”

Facebook oferecer cursos gratuitos de programação e inovação

Facebook oferecer cursos gratuitos de programação e inovação

Facebook oferecer cursos gratuitos de programação e inovação. Desde 2018, o Facebook oferece o Estação Hack, programa que já capacitou 26 mil pessoas ao redor do Brasil em cursos de programação e inovação. Agora, a companhia anunciou que o número deve aumentar e prevê a capacitação de 50 mil jovens ainda neste ano com cursos gratuitos. Continue reading “Facebook oferecer cursos gratuitos de programação e inovação”

Google pode ter alcançado supremacia quântica

Google pode ter alcançado supremacia quântica

Google pode ter alcançado supremacia quântica, foi o que publicou um paper de estudo no site da NASA que movimentou o mundo da computação nos últimos dias. O documento (que já foi removido) dizia que um processador quântico criado pela empresa foi capaz executar em 3 minutos e 20 segundos um cálculo que, no computador mais potente da atualidade (o Summit, da IBM) levaria cerca de 10 mil anos.  Esse caso, no qual um equipamento quântico consegue fazer um trabalho melhor do que um “normal”, chama-se “supremacia quântica”.

Dos bits aos qubits

A computação atual utiliza bits (os clássicos 0 ou 1) para armazenar ou processar informações dentro da máquina.  Já quântica utiliza os qubits (ou bits quânticos) como medida. A diferença principal está no fato de que os qubits conseguem “se encaixar” de inúmeras formas entre o 0 e o 1, o que aumenta de forma significativa a quantidade de informação que pode ser processada por essas máquinas.

Por exemplo: enquanto dois bits só conseguem apresentar um tipo de informação por vez, dois bits quânticos são capazes de expressar quatro estados ao mesmo tempo. Mas nem tudo é alegria nesse formato de processamento: por ainda ser bastante experimental, os qubits só trabalham dentro de condições muito restritas (como temperatura bem abaixo de -200°C) e, mesmo assim só conseguem executar tarefas muito específicas.

O progresso é quântico, mas a passos de tartaruga

Ao ler a notícia sobre uma máquina capaz de fazer essa quantidade gigantesca de cálculos, é comum pensar que estamos bem perto de uma realidade em que esses equipamentos consigam processar tanto questões matemáticas como analisar corpos tão pequenos e complexos como moléculas. Porém, apesar desse futuro ser uma possibilidade, ela ainda está bem longe de se tornar algo concreto.

Segundo o jornalista Ryan Mandelbaum explicou em um texto para a revista americana Wired, os computadores quânticos disponíveis atualmente podem ser comparados com as máquinas que existiam nos anos 50: caras, gigantescas e capazes de executar poucas tarefas e de forma extremamente limitada.

Como todo avanço, essa conquista precisa ser celebrada pelas possibilidades que abre, mas ainda vai levar ao menos alguns anos para que a ciência consiga controlar e usar esse tipo de computação de uma forma mais controlada e eficiente.

 

Abrir chat
💬 Posso Ajudar?