Google deve excluir conteúdo plagiado, decide Justiça brasileira

Google deve excluir conteúdo plagiado, decide Justiça brasileira

google-justicaUma nova decisão do Supremo Tribunal de Justiça coloca o Google como responsável direto pelo conteúdo que exibe, de forma a ser obrigado a retirar um vídeo do ar, por exemplo, quando seu autor pedir, sem necessidade de intervenção judicial.

Caso descumpra a ordem, oGoogle poderia ser considerado coautor do dano causado ao criador do conteúdo, segundo a Folha de S. Paulo.

O processo teve início com a empresa Sette Informações Educacionais Ltda., que identificou seu material sendo oferecido em blogs hospedados pelo Google. A empresa foi notificada, mas os textos só foram apagados após intimação judicial.

Contudo, o Google não seria responsável por uma “censura” prévia do conteúdo postado pelos usuários. A empresa foi liberada de realizar uma fiscalização da atividade, e só precisaria vetá-lo quando fosse notificada pelo autor.

O Google já recorreu contra a decisão.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Abrir chat
💬 Posso Ajudar?