Hacker rouba mais de 10 milhões

Hacker rouba mais de 10 milhões

Hacker rouba mais de 10 milhões

Um hacker alega ter roubado cerca de 10 milhões de registros médicos de pacientes e quer vendê-los por mais de 800 mil dólares. No final de semana, o hacker que se intitula como “thedarkoverlord”, começou a anunciar a venda dos registros no TheRealDeal, um mercado negro da Deep Web.

Os dados incluem nomes, endereços, datas de nascimento e números de Seguro Social (espécie de CPF dos EUA), que podem ser usados para roubo de identidade e/ou crimes financeiros contra as vítimas.

No total, esses registros estão sendo vendidos em quatro “pacotes” diferentes. O maior deles inclui 9,3 milhões de registros de pacientes de uma provedora de seguros de saúde dos EUA.

O hacker usou uma vulnerabilidade pouco conhecida dentro do Remote Desktop Protocol para acessar os sistemas da companhia, segundo o próprio afirmou no site em que fez o anúncio.

Os três outros “pacotes” cobrem um total de 655 mil registros de pacientes, incluindo grupos de seguro saúde de Atlanta, na Georgia, e Farmington, no Missouri, entre outros.

O hacker não revelou os nomes do grupos de seguro afetados pelo roubo.

Por meio de uma mensagem no mercado negro on-line em questão, o hacker se recusou a responder qualquer pergunta sobre o assunto a não ser que seja pago – ele pede um total de 1.280 bitcoins pelos dados roubados.

Recentemente mais e mais empresas do ramo de seguro de saúde vem sendo alvos de ataques on-line à medida que uma parte maior dos seus dados vai para o mundo digital.

Tags:, , , , , , , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Abrir chat
💬 Posso Ajudar?