Publicidade na Internet movimenta R$ 4,5 bilhões em 2012, diz IAB

Publicidade na Internet movimenta R$ 4,5 bilhões em 2012, diz IAB

publicidade-na-internetOs grandes players brasileiros de Internet movimentaram 4,57 bilhões de reais em 2012, segundo dados divulgados hoje pala nova diretoria do IAB Brasil. Um crescimento de 32,2% em comparação aos 3,239 bilhões de reais investidos em 2011.

Os números consideram apenas o mercado de publicidade online, não incluindo os investimentos feitos em publicidade móvel e em ad networks, embora algumas da empresas que forneceram dados para a consolidação feita pelo instituto admitam que várias ad networks contribuíram para  o montante informado.

As estimativas da entidade apontam que o investimento em publicidade online deve crescer os mesmos 32% em 2013 (número que considera display, social media, search e classificados), o que representará R$ 6 bilhões em compra de mídia projetada para este ano.

grafico-internet-publicidade1

Os números do IAB são números conservadores, na opinião de Marcelo Lobianco, vice-presidente executivo do IAB Brasil, embora superiores aos apresentados semana passada pelo Projeto Inter-Meios, que cobre 80% do mercado de publicidade digital e considera apenas display. O Inter-Meios fala em 1,51 bilhão de reais para diplay. O IAB Brasil, que  contabiliza social mídia junto com o mercado de display, fala em 1,8 bilhão de reais.

“Além disso, nossa estimativa foi feita com base em conversas com nossos associados. Inclui números reportados por alguns grandes players que, por questões legais, não podem divulgar seus números para o Inter-Meios, mas que informalmente, por serem associados do IAB Brasil, o fizeram para nós”, explicou Lobianco, fazendo questão de ressaltar que os valores apresentados hoje devem ser encarados como “estimativas” do IAB Brasil, que continuará a trabalhar este ano em segmentações de mercado para entender melhor como as verbas publicitárias destinadas para a internet estão sendo aplicadas pelos anunciantes.

“Não queremos comparar os nossos números com os de ninguém, nem questionarmos os números de ninguém, porque usamos uma amostra diferente”, afirmou Lobianco. “Nosso corte é publicidade digital e da forma como está classificados aí”, disse  Rafael Davini, presidente do IAB Brasil.

Para facilitar a medição, o IAB Brasil classificou o mercado em dois segmentos: display+social media, que cresceu 20% em 2012, frente a 2011, e search +classificados, que cresceu 40%.

A mudança na medtodologia também fez com os números apresentados hoje ficassem abaixo das projeções divulgadas pela entidade no ano passado (ilustração abaixo). “Como a metodologia mudou, eu revi o número do ano passado também”, disse Lobianco.

iab2012 437

De todo modo, a estimativa IAB deixa claro que o mercado de search continuará a ser muito maior que o de display e social este ano, a exemplo  do que já vem acontecendo desde 2011. “Mas isso não significa que search tenha canibalizado outros formatos de publicidade online. É um dinheiro novo que está entrando no mercado, de anunciantes que antes não investiam na plataforma online”, argumenta  André Zimmermann, vice-presidente de Agências do IAB Brasil.

Este ano, o IAB Brasil pretende incluir na estimativa de publicidade digital os investimentos feitos em publicidade móvel e a partir de Ad Networks. “As Ad Networks acabam comprando de alguns dos players que estão aqui. A gente não quer ser irresponsável e duplicar números. Nosso desafio vai ser depurar esses números, de uma forma bastante criteriosa”, disse Lombianco.

O mesmo acontece com publicidade móvel. “Para vocês terem uma ideia, na Inglaterra o mobile já é 10% do investimento em publicidade digital. Já é representativo”, explica André Zimmermann. “Nossos comitês de mobile e de ad networks estão trabalhando para divulgar estes números no ano que vem”, completou.

O IAB Brasil tem hoje 200 associados, entre sites e portais, empresas de tecnologia, agências e desenvolvedoras Web, líderes em seu segmento no país.

Na mesma coletiva de apresentação dos números,a nova diretoria do IAB Brasil apresentou o seu plano de ação da entidade em 2013, com foco em 3 pilares: Conteúdo, Educação e Eventos.

“O nível de conhecimento produzido pelos comitês do IAB é muito alto. Nossos 200 associados, divididos entre agências, fornecedores e veículos, são as pessoas que estão construindo o mercado digital. Vamos aproveitar cada vez mais esse conteúdo, criando cursos presenciais, e-learning, eventos e ações in company. O primeiro evento é o Mobile Day, que acontece 18 de abril, no Centro Britânico”, afirma Marcelo Lobianco.

Hoje, o IAB Brasil colocou no ar o novo site da entidade, em iabbrasil.net, que servirá de suporte para essas ações. Nas próximas semanas, o primeiro e-book, sobre social mídia, estará disponível no site.

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Abrir chat
💬 Posso Ajudar?