Reiniciando serviços do servidor

Reiniciando serviços do servidor

debian logoEste artigo ensinará a reiniciar cada serviço do servidor. O artigo será focado em distribuições com base no Debian, mas os comandos deverão funcionar na maioria das distros não baseadas no Debian.

 

Importante: Os comandos devem ser sempre executados como root, isto é, modo super usuário.

Dica: O comando “restart” pode ser dividido em duas linhas: “stop” e em seguida “start”.

Por exemplo:
/servicos/servico1 restart

É equivalente a:
/servicos/servico1 stop
/servicos/servico1 start

Atenção: Serviços do software cPanel serão tratados em um artigo especial.

Comandos para reiniciar o:

    • Apache:
      /etc/init.d/httpd restart
    • APF:
      /etc/init.d/apf restart
    • Crontab:
      /etc/init.d/crond restart
    • Exim:
      /etc/init.d/exim restart
    • Firewall IPTables:
    • /etc/init.d/iptables restart


      Dica:
       Para salvar as configurações do seu IPTables, digite:

      /etc/init.d/iptables save
    • Interface de rede (network):
      /etc/init.d/networking restart
    • MySQL:
      /etc/init.d/mysql restart
    • Name Server protocol:
      /etc/init.d/named stop
    • Proftpd:
      /etc/init.d/proftpd restart
    • Pureftpd:
      /etc/init.d/pure-ftpd restart
    • syslogd:
      /etc/init.d/syslogd restart
    • S.M.A.R.T:
      </strong></span>/etc/init.d/smartd restart

  • Dica:
     Para o RedHat e distros baseadas nele use: /etc/init.d/network restart
  • Interface gráfica GDM:
    • CTRL+ALT+F1
    • sudo /etc/init.d/gdm stop
    • startx
      Dica: Se não abrir a interface gráfica automaticamente, pressione: CTRL+ALT+F7

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Abrir chat
💬 Posso Ajudar?